NOTA: Média dos ensaios realizados pelo EMBRAPA e UNICENTRO
NOTA: Média dos ensaios realizados pela UFSM e FUNDACEP
Média de 23 experimentos em instituições de pesquisa
Adaptado de Hungria et al. Agriculture Ecosystems and Evironment, v221, p.128-131,2016.

Apresentação

Inoculante nas versões líquido e turfoso para as culturas de soja, feijão, milho, trigo e pastagens. Composto por Azospirillum brasilense, altamente eficiente na promoção de crescimento e fixação biológica de nitrogênio.

AZOTROP é resultado de inovação, pesquisa e desenvolvimento, oferecendo ao agricultor uma nova ferramenta para o aumento da produtividade no campo.

Benefícios

  • Aumenta a produtividade e a rentabilidade;
  • Alta eficiência a fixação biológica de nitrogênio;
  • Melhora a absorção de água e nutrientes.

Diferenciais

  • Aumenta o sistema radicular e melhora a sustentação da planta reduzindo o acamamento;
  • Formulação altamente estável, garantido a viabilidade dos microrganismos;
  • Compatibilidade comprovada com Bradyrhzobium spp. em soja;
  • Tecnologia exclusiva de indução das bactérias à produção de fito-hormônios quando associados às culturas-alvo.

Dosagem

  • TRATAMENTO DE SEMENTES:

100ml ou 100g

  • 60.000 sementes de milho;
  • 50 Kg sementes de trigo;
  • 50 Kg sementes de soja;
  • 5 Kg sementes de pastagens;
  • 50 Kg sementes de feijão.

150ml

  • 50Kg de semente de arroz
  • SULCO DE PLANTIO: 200mL/ha.
  • ÁREA TOTAL: 300mL/ha.

Garantias

  • Líquido: A. brasilense … 2×10¹¹ UFC/L
  • Turfoso: A. brasilense … 2×10¹¹ UFC/Kg

Atenção!

Leia e siga corretamente as instruções de uso. Impróprio para alimentação humana ou animal. Manter fora do alcance de crianças. Utilize sempre os equipamentos de proteção individual. Faça o Manejo Biológico da Lavoura. Descarte corretamente as embalagens e os restos de produtos e não reutilize as embalagens. O fabricante garante a qualidade do produto, seguindo as condições indicadas de armazenagem, transporte e aplicação, não assumindo risco ou prejuízo pela má utilização ou má aplicação do produto. CONSULTE SEMPRE UM ENGENHEIRO AGRÔNOMO.
CONSULTE SEMPRE UM ENGENHEIRO AGRÔNOMO.